quinta-feira, 31 de julho de 2008

Grupo D da "Champions": Mirko e Alessandro Bertolucci em Barcelos!

No dia da final do Europeu de Oviedo (26 de Julho) foi feito pelo CERH o sorteio para a Liga Europeia de clubes 2008/09. O OCB ficou no grupo D juntamente com o Follonica H, HC Liceo e CP Vilanova. Pelo Follonica, campeão italiano, jogam os manos Bertolucci que durante quatro anos, em Barcelos, ajudaram a encher o pavilhão municipal com as suas exibições! Vai ser um reencontro. Reencontro também acontecerá com a equipa de José Querido, o Liceo da Corunha, já que a época passada calhou no mesmo grupo. A aventura do OCB na "Champions", que passará por tentar chegar aos dois primeiros postos do grupo, começa a 18 de Outubro, em Follonica, e termina a 14 de Março na Corunha. A edição deste ano volta a ter quatro grupos de quatro equipas mas, ao contrário da época passada, onde só o líder passava à final four, os dois primeiros classificados dos grupos apuram-se para uma inovadora final eight.

terça-feira, 29 de julho de 2008

Curiosidade: "bolas altas"

Jogava-se o prolongamento da meia-final do Argentina - Portugal no Mundial de San Juan, Argentina, em 2001, quando Panchito Velásquez em bonita jogada elimina Portugal com um golo de ouro e coloca a selecção da casa na final. Como se pode ver na imagem, o golo é legal e nem teve discussão na altura: nem a bola nem o stick ultrapassaram a altura máxima permitida pelas regras, 1,50 metros.
Contudo, na final do último Europeu, em Oviedo, Luís Viana marcou um golo idêntico à Espanha, que empataria a contenda, mas desta vez o critério foi diferente! Foi favorecida a equipa da casa, mas desta vez sem justiça. Vê-se pela imagem que a bola pouco subiu acima da barra da baliza e, nem tão-pouco a jogada poderia ser anulada por causa do stick, pois quem o maneja pondo em causa a integridade física do adversário é o jogador espanhol que, em desespero para evitar o golo, faz um movimento de cima para baixo com o stick em falta. Como foi golo, o árbitro só teria que o validar! O senhor Carmazzi, de Itália, atrapalhado, fez o mais fácil para ele, ou seja, anulou a jogada e marcou falta atacante. Também um dia, em Guimarães, inventou um penálti que salvou o Barcelona que, depois, no prolongamento, derrotou o OCB...

segunda-feira, 28 de julho de 2008

O Europeu de Portugal em imagens

Espanha 1 - Portugal 0

Portugal 5 - Itália 0

Portugal 10 - Holanda 1

Portugal 6 - Suíça 3

domingo, 27 de julho de 2008

Historial dos Europeus











1926
I
Herne-Bay/Inglaterra
1-Inglaterra
2-França
3-Alemanha
4-Suíça
__________
1927
II
Montreux/Suíça
1-Inglaterra
2-França
3-Suíça
4-Alemanha
__________
1928
III
Herne-Bay/Inglaterra
1-Inglaterra
2-França
3-Alemanha
4-Suíça
__________
1929
IV
Montreux/Suíça
1-Inglaterra
2-Itália
3-França
4-Alemanha
__________
1930
V
Herne-Bay/Inglaterra
1-Inglaterra
2-França
3-Alemanha
4-Suiça
__________
1931
VI
Montreux/Suíça
1-Inglaterra
2-França
3-Suíça
4-Itália
__________
1932
VII
Herne-Bay/Inglaterra
1-Inglaterra
2-Alemanha
3-França
4-Portugal
__________
1934
VIII
Herne-Bay/Inglaterra
1-Inglaterra
2-Alemanha
3-Suíça
4-Itália
__________
1936
IX
Estugarda/Alemanha (1)*
1-Inglaterra
2-Itália
3-Portugal
4-Suíça
__________
1937
X
Herne-Bay/Inglaterra
1-Inglaterra
2-Suíça
3-Portugal
4-Itália
__________
1938
XI
Anvers/Bélgica
1-Inglaterra
2-Itália
3-Bélgica
4-Portugal
__________
1939
XII
Montreux/Suíça (2)*
1-Inglaterra
2-Itália
3-Portugal
4-Bélgica
__________
1947
XIII
Lisboa/Portugal (3)*
1-Portugal
2-Bélgica
3-Espanha
4-Itália
__________
1948
XIV
Montreux/Suíça (4)*
1-Portugal
2-Inglaterra
3-Itália
4-Espanha
__________
1949
XV
Lisboa/Portugal (5)*
1-Portugal
2-Espanha
3-Itália
4-Bélgica
__________
1950
XVI
Milão/Itália (6)*
1-Portugal
2-Itália
3-Suíça
4-Espanha
__________
1951
XVII
Barcelona/Espanha (7)*
1-Espanha
2-Portugal
3-Itália
4-Bélgica
__________
1952
XVIII
Porto/Portugal (8)*
1-Portugal
2-Itália
3-Espanha
4-Bélgica
__________
1953
XIX
Genève/Suíça (9)*
1-Itália
2-Portugal
3-Espanha
4-Suíça
__________
1954
XX
Barcelona/Espanha (10)*
1-Espanha
2-Portugal
3-Itália
4-Bélgica
__________
1955
XXI
Milão/Itália (11)*
1-Espanha
2-Itália
3-Portugal
4-Suiça
__________
1956
XXII
Porto/Portugal (12)*
1-Portugal
2-Espanha
3-Itália
4-Alemanha
__________
1957
XXIII
Barcelona/Espanha
1-Espanha
2-Portugal
3-Itália
4-Inglaterra
__________
1959
XXIV
Genève/Suíça
1-Portugal
2-Espanha
3-Itália
4-Inglaterra
__________
1961
XXV
Turim/Itália
1-Portugal
2-Espanha
3-Itália
4-Holanda
__________
1963
XXVI
Porto/Portugal
1-Portugal
2-Espanha
3-Holanda
4-Suiça
__________
1965
XXVII
Lisboa/Portugal
1-Portugal
2-Espanha
3-Itália
4-Holanda
__________
1967
XXVIII
Bilbao/Espanha
1-Portugal
2-Espanha
3-Holanda
4-Itália
__________
1969
XIX
Lausanne/Suíça
1-Espanha
2-Portugal
3-Holanda
4-França
__________
1971
XXX
Lisboa/Portugal
1-Portugal
2-Espanha
3-Itália
4-Alemanha
__________
1973
XXXI
Iserlohn/Alemanha
1-Portugal
2-Espanha
3-Alemanha
4-Itália
__________
1975
XXXII
Viareggio/Itália
1-Portugal
2-Espanha
3-Itália
4-Alemanha
__________
1977
XXXIII
Porto/Portugal
1-Portugal
2-Espanha
3-Itália
4-Alemanha
__________
1979
XXXIV
Barcelona/Espanha
1-Espanha
2-Portugal
3-Itália
4-Holanda
__________
1981
XXXV
Essen/Alemanha
1-Espanha
2-Portugal
3-Holanda
4-Itália
__________
1983
XXXVI
Vercelli/Itália
1-Espanha
2-Portugal
3-Itália
4-Holanda
__________
1985
XXXVII
Barcelos/Portugal

1-Espanha
2-Itália
3-Portugal
4-Holanda
__________
1987
XXXVIII
Oviedo/Espanha
1-Portugal
2-Espanha
3-Itália
4-Alemanha
__________
1990
XXXIX
Lodi/Itália
1-Itália
2-Espanha
3-Portugal
4-Holanda
__________
1992
XXXX
Wuppertal/Alemanha
1-Portugal
2-Itália
3-Espanha
4-Alemanha
__________
1994
XXXXI
Funchal/Portugal
1-Portugal
2-Espanha
3-Itália
4-Suíça
__________
1996
XXXXII
Salsomaggiore/Itália
1-Portugal
2-Itália
3-Espanha
4-Suíça
__________
1998
XXXXIII
Paços de Ferreira/Portugal
1-Portugal
2-Espanha
3-Itália
4-Suíça
__________
2000
XXXXIV
Wimmis/Suíça
1-Espanha
2-Portugal
3-Itália
4-França
__________
2002
XXXXV
Florença/Itália
1-Espanha
2-Portugal
3-Itália
4-França
__________
2004
XXXXVI
La Roche sur Yon/França
1-Espanha
2-Itália
3-Portugal
4-Suíça
__________
2006
XXXXVII
Monza/Itália
1-Espanha
2-Suíça
3-Portugal
4-Itália
__________
2008
XXXXVIII
Oviedo/Espanha
1-Espanha
2-Portugal
3-Itália
4-França

*Título que acumula com o de campeão do mundo

sábado, 26 de julho de 2008

Espanha 1 - Portugal 0

A Espanha é de novo a campeã europeia: venceu Portugal por 1-0 na final do Europeu. Conseguiu o seu quinto título europeu consecutivo (14 no total, contra 20 de Portugal). Se a primeira parte do encontro foi totalmente dominada pelos espanhóis, com o único golo do encontro a surgir perto do intervalo, a segunda foi mais portuguesa. No entanto, e apesar de assinalar um penálti para Portugal, a arbitragem feita por um italiano e um francês, ao invalidar um golo legal apontado por Luís Viana e ao assinalar livre indirecto em lance que Reinaldo Ventura sofre falta para livre directo, tornou impossível a já difícil intenção da selecção lusa marcar um golo que fosse. Mas ganhou, sem dúvida, a selecção mais forte... e dura. Há que aprender com ela. Para o ano há nova prova, outra vez em Espanha, Vigo: o Mundial 2009.

sexta-feira, 25 de julho de 2008

Portugal 5 - Itália 0

Portugal já está na final! A selecção portuguesa tornou fácil o jogo das meias-finais, frente à Itália, ao vencer por 5-0 com uma boa exibição. A esquadra azzurra já não é uma potência na modalidade, estará mesmo numa segunda linha com a Suíça e França. Os golos lusos foram aparecendo naturalmente, com destaque para Ricardo Barreiros que com mais dois no jogo de hoje é o melhor marcador do campeonato (10). Os restantes golos foram marcados por Valter Neves (2) e Luís Viana.
Amanhã, pelas 20 horas, joga-se a final com a Espanha (ninguém acredita que a França vença a meia-final, mais logo). A final será duríssima, mas a vitória é possível, também há 21 anos isso sucedeu naquele mesmo pavilhão de Oviedo. Desde 1998 que Portugal não vence o Europeu...

quinta-feira, 24 de julho de 2008

Portugal 10 - Holanda 1

Portugal conseguiu, hoje, um resultado com dois dígitos! Venceu a Holanda, nos quartos-de-final, por 10-1! Joga amanhã as meias-finais, com a Itália, às 17:30. O jogo foi (quase) de sentido único, o guarda-redes Ricardo Silva foi um figurante na baliza lusa, pois esta selecção holandesa é a mais débil do Europeu (mas aguentou os primeiros dez minutos sem sofrer golos!). Dos jogadores de pista portugueses, só Valter Neves e Pedro Moreira não marcaram golos. Os tentos foram apontados por: Luís Viana, Ricardo Barreiros (2), Caio (3), Reinaldo Ventura, Ricardo Pereira (2) e Tiago Rafael. Caricato foi um "golo" marcado por Caio, o terceiro de Portugal: ao rodar por trás da baliza, o "oito" de Portugal levantou a bola e tentou fazer golo entre o poste e o guarda-redes mas sem sucesso, a bola deslizou na rede, por fora, e, a dado momento, passou-se para dentro da baliza; perante essa evidência, o árbitro assinalou golo.
Frente à Itália jogar-se-á a passagem à final. Embora esta selecção transalpina não seja a mesma dos anos noventa, preveem-se dificuldades que só poderão ser ultrapassadas com aplicação total dos jogadores portugueses. Não pode ser desperdiçada a oportunidade de disputar a final com a selecção anfitriã, a Espanha.

quarta-feira, 23 de julho de 2008

Portugal 6 - Suíça 3

O hóquei da selecção nacional não está apurado como um relógico suíço mas anda lá perto. Hoje sim, Portugal jogou com velocidade! Foi, também, conseguida uma vitória psocológica ante a Suíça, depois da eliminação de Portugal no Mundial de Montreux, há um ano. O resultado final de 6-3 é fiel ao que se passou em ringue e confirmou Portugal no primeiro lugar do grupo B. Os portugueses entraram fortes, marcaram cedo por Tiago Rafael, que fez parte do cinco inicial, mas os helvéticos conseguiram virar para 2-1 alguns minutos depois. Até ao intervalo, a força lusa voltou a fazer-se sentir e a selecção nacional colocou-se, de novo, na condição de vencedora, 3-2. Marcaram Ricardo Pereira e Ricardo Barreiros. Na segunda parte, entrada galharda dos portugueses (dois golos, por Valter Neves e Ricardo Barreiros), ficando assim, aberto o caminho da vitória. Os suíços ainda reduziram, 3-5, para depois, Caio, de livre directo, fazer o 6-3 final. Com cerca de dez minutos para se jogar, Portugal aproveitou para circular a bola e acertar mecanismos.
Amanhã, Portugal joga, para os quartos-de-final, com a selecção mais frágil do Europeu, a Holanda (última classificada do grupo A), pelas 18:30 horas.
_
Grupo B
Portugal, 3 jogos, golos 17/4, 6 pontos

Suíça, 3 jogos, golos 9/11, 3 pontos
Inglaterra, 3 jogos, golos 2/9, 1 ponto
Alemanha, 3 jogos, 4/7, 0 pontos

terça-feira, 22 de julho de 2008

Portugal 4 - Alemanha 1

Ao segundo jogo do Euro, segunda vitória lusa. Mas continuamos à espera da verdadeira selecção portuguesa. Talvez surja já amanhã diante da Suíça no fecho da fase de grupos. Os helvéticos empataram com a Inglaterra (!) e Portugal continua líder do grupo.
O jogo de hoje desenrolou-se na mesma linha do de ontem, a Alemanha foi um adversário ao nível da Inglaterra e que dificilmente conseguiria outra coisa do jogo que não a derrota. Na primeira parte, Ricardo Barreiros e Luís Viana (de penálti) fizeram o resultado, 2-0; na segunda metade, os germânicos reduziram (2-1), fizeram Portugal perder-se em ringue mas, depois, lá surgiram os golos de Valter Neves e Caio que fecharam o placard em 4-1.

Portugal - Suíça, amanhã, às 18:30 na RTP2.

segunda-feira, 21 de julho de 2008

Portugal 7 - Inglaterra 0

Portugal entrou a vencer no Europeu de Oviedo 2008, hoje, em jogo que teve início às 18:30 horas portuguesas. Venceu a amorfa Inglaterra por 7-0. Apesar dos números esclarecedores, a exibição portuguesa foi algo fraca, lenta e sem entrosamento entre os atletas, mas, como é da praxe, irá melhorar gradualmente com o avançar da competição. O cinco inicial foi composto por João Miguel na baliza, Valter Neves e Reinaldo Ventura na defesa, Ricardo Pereira e Luís Viana no ataque. Todavia, todos os golos da primeira parte (três) foram marcados pelo "suplente" Ricardo Barreiros - mas apenas nos últimos cinco minutos. Na segunda parte, Reinaldo Ventura, por duas vezes, Pedro Moreira e Ricardo Pereira, fecharam o placard em 7-0. Portugal ficou, assim, no primeiro lugar do seu grupo, o B, já que, o resultado da Suíça frente à Alemanha foi de 4-3. Amanhã, de novo às 18:30 horas, Portugal entra em ringue para mais 40 minutos de Hóquei, para a segunda jornada, contra a Alemanha.

quinta-feira, 17 de julho de 2008

48º Europeu, Oviedo 2008

Portugal vai estar presente no 48º Europeu de Hóquei em Patins, em Oviedo, com o objectico claro de regressar aos títulos! A história assim o exige! Portugal lidera a lista dos países vencedores, com 20 títulos, perseguido pela Espanha, 13 troféus; a Inglaterra foi 12 vezes campeã e a Itália apenas duas. Todavia, desde 1998, em Paços de Ferreira (ver post anterior), que Portugal não é campeão europeu; só venceu mesmo uma competição desde então, Mundial 2003 de Oliveira de Azeméis; a Espanha tem dominado a modalidade na última década, tetra campeã europeia (2000, 2002, 2004 e 2006) e campeã do mundo em 2001, 2005 e 2007. Esse último mundial, de 2007, está bem fresco na memória, pois foi a pior classificação de sempre por parte da selecção portuguesa (sexto posto), o que faz com este compromisso próximo seja, obrigatoriamente, o ponto de viragem, o início da escalada ao pico de onde nunca Portugal deveria ter descido.

O campeonato começa no dia 21 de Julho e termina cinco dias depois. O Roller Barcelos acompanhará o Europeu e publicará as incidências dos jogos da selecção lusa, salvo algum imprevisto.
Grupo A
Espanha
Itália
França
Holanda

Grupo B
Suíça
Portugal
Inglaterra
Alemanha

dia 21: Portugal - Inglaterra
dia 22: Portugal - Alemanha
dia 23: Portugal - Suíça
dia 24: quartos-de-final
dia 25: meias-finais
dia 26: final

terça-feira, 15 de julho de 2008

Imagem com história VII

Tó Neves, Paulo Alves, Pedro Alves, Paulo Almeida, Vítor Fortunato, Filipe Gaidão, Guilherme Silva, Filipe Santos, José Carlos e Ricardo Pereira. Última selecção portuguesa a conseguir ser campeã da europa, Paços de Ferreira 1998.

domingo, 13 de julho de 2008

OCB no Mundial de clubes!?

Depois de confirmada a sua presença na Liga dos Campeões 2008/09, o OCB confirmou, também, surpreendentemente, no sítio do clube, o convite para participar no II Mundial de Clubes, Reus 2008! Esta é segunda edição do Mundial (a primeira foi há dois anos, em Luanda, Angola) e vai coincidir com a comemoração dos cem anos de existência do Reus Deportiu - de 22 a 28 de Setembro. O clube barcelense poderá ser mesmo o único representante luso, ocupando o lugar que, de início, era do FC Porto. Vão ser chamados dezasseis clubes, integrados em grupos de quatro, que depois numa segunda fase a eliminar (quartos, meias e final) vão decidir quem sucederá ao Bassano, de Itália -primeiro campeão mundial neste formato. O grupo do OCB irá contar com o Viareggio (Itália), Quevert (França) e pelo campeão africano, ainda a apurar.

sexta-feira, 11 de julho de 2008

Imagem com história VI

Esta é a equipa do OCB que conquistou o primeiro ceptro nacional para o clube! Época 1992/93, onde foi conquistada, também, a Taça de Portugal e a já extinta Taça das Taças! Ano vitorioso! Em cima: Paulo Alves, Toni, Rui Fernandes, Domingos Carvalho, Alfredo Silva e Sérgio Nunes.
Em Baixo: Pedro Alves, Vítor Silva, Valentim, Guilherme Silva e Jorge Maceda.

quarta-feira, 9 de julho de 2008

Micha e Kika de saída para Vigo

Micha (Miguel Fernandes) e Kika (Daniel Coelho) vão deixar o clube de Barcelos; vão jogar a próxima época no Vigo Stick. Micha completou duas épocas no plantel principal do OCB mas não foi particularmente feliz, jogou pouco; Kika, embora júnior -só agora transitou para sénior- era chamado regularmente à equipa principal há já algum tempo.
Estas são mais duas saídas do plantel que vai ser, novamente, reestruturado. Como referiu recentemente Vítor Silva, "cerca de 75% desta equipa [2007/08] vai-se embora".


Assim, para já, são estas as movimentações confirmadas:

SAÍDAS

Tiago Rafael (SL Benfica)

Cacau (Bassano, Itália)

Nuno Resende (UD Oliveirense)

Micha (Vigo Stick)

Kika (Vigo Stick)

ENTRADAS

João Pinto (UD Oliveirense)

Nélson Ribeiro (Porto Santo SAD)

Hugo Azevedo (AD Valongo)

Miguel Viterbo (AA Espinho)

sábado, 5 de julho de 2008

OCB na "Champions" 2008/09!

Foi através do seu sítio na web que o OCB anunciou a presença na edição da Liga Europeia -que já foi designada de Liga dos Campeões- da próxima época, 2008/09. Algo que também foi confirmado pela CERH. O direito de entrada do clube barcelense na maior competição europeia de clubes deve-se à ainda excelente posição que ocupa no ranking europeu de clubes, sétima!
_
Lista de Clubes participantes da Liga Europeia 2008/09: Barcelona (cabeça-de-série do Grupo A), Porto (Grupo B), Reus (Grupo C), Follonica (Grupo D), Igualada, Liceo, Vic, Noia, Vilanova, Tenerife, Bassano, Valdagno, Barcelos, Iserlohn, Herne Bay, Quevert.
Os doze clubes participantes devem-se aos seguintes critérios: Campeão em Título, os dois Finalistas da Taça CERS, Campeões de Portugal, Itália, Alemanha, Inglaterra e França, e os restantes oito primeiros classificados do Ranking de Clubes.

Apraz registar, ainda, que a edição 2008/09 da Liga dos Campeões volta a ter quatro grupos de quatro equipas mas, ao contrário da época passada, onde só o líder passava à final four, os dois primeiros classificados dos grupos apuram-se para uma inovadora final eight.

O sorteio dos grupos será feito no último dia do Europeu de Nações 2008, em Oviedo, 26 de Julho, e a primeira jornada da fase de grupos será jogada a 18 de Outubro.